Vergonha de ficar nua na hora do sexo? 6 dicas práticas para vencer isso e ser feliz

Sentir-se confortável com o próprio corpo, independente de sua forma física, é uma das armas mais poderosas para sentir prazer e, de quebra, provocar excitação no parceiro ou parceira. Conversamos com uma sexóloga para saber como é possível desencanar de neuras e aproveitar melhor o sexo.

Vergonha no sexo: dicas

1. Desmistificar o corpo perfeito

O primeiro passo é trabalhar a construção da autoestima e do amor próprio. Não é uma tarefa fácil ou rápida, mas é a forma mais eficaz para perder a vergonha do seu corpo

“As mulheres sofrem muito com a cultura do corpo padrão. Mas, por incrível que pareça, até mesmo as que se encaixam nos ideais de beleza sofrem com a insegurança. Por isso, cada uma precisa se aceitar do jeito que é e entender que o padrão imposto não é real”, aconselha a sexóloga Jussania Oliveira.

casalo sexo 400x800 0617

2. Cuidar com carinho das partes do corpo

Aceite e ressalte as qualidades do seu corpo e personalidade, sem dar ouvidos a julgamentos. Procure olhar para aquela parte do seu corpo que você não gosta e comece a cuidar dela para, aos poucos, mudar sua visão.

“Não gosta das canelas grossas? Experimente passar um creme bem cheiroso nelas todos os dias após o banho, olhe para elas com carinho e, depois de algum tempo, provavelmente terá mais apreço por elas”, diz a especialista.

3. Conheça o seu próprio corpo

“A cultura em que vivemos favorece o desenvolvimento da sexualidade masculina muito mais do que a da feminina”, afirma a sexóloga. “Dessa forma, é realmente mais difícil para a mulher descobrir o próprio corpo, praticar a masturbação e saber exatamente o que lhe dá ou não prazer”, comenta. A dica da especialista para isso é, aos poucos, tentar se descobrir.

Quando estiver sozinha, por exemplo, na hora do banho, procure conhecer os pontos no corpo que mais lhe dão prazer. “Não tenha medo de tocar a própria pele. Quando perceber que seu corpo lhe faz feliz e dá prazer, seu relacionamento com ele vai melhorar e, consequentemente, a vida sexual também”, garante Jussania.

masturbacao mulher vagina 116 400x800

 4.Use lingerie que faça você se sentir bem

Independente do seu biotipo, escolha peças íntimas que favoreçam aquilo que você mais admira em você. Gosta do bumbum? Procure o modelo de calcinha que o evidencie. Os seis fartos? Não os esconda e invista em uma renda.

“Ser sensual e sedutora não tem a ver com padrão corporal. Repita essa frase até acreditar nela, pois é verdade”, diz Jussania Oliveira.

5. Não enalteça os defeitos que acredita ter

O seu companheiro ou companheira é louco(a) pelos seus braços — que você acredita serem horríveis? Procure não escancarar isso, pois pode te deixar ainda mais insegura. A orientação de Jussara é seguir o passo número 1: “Tente olhar com carinho para essa parte do corpo até conseguir abraçá-la do jeito que é.”

sexo seducao apimentar excitacao 0617 400x800

6. Vá aos poucos

“Quando a mulher está insatisfeita com a própria forma, é comum que não consiga se despir na frente do parceiro ou parceira com as luzes acesas, por vergonha”, diz a sexóloga. “”Mas, seguindo com paciência os passos anteriores, é bem provável que a autoconfiança volte a florescer nessa mulher”, diz.

Comece acendendo a luz da sala e deixando a porta do quarto aberta. Depois de um tempo, quando a confiança começar a crescer, acenda o abajur da cabeceira e coloque um lenço de cor quente em cima dele, para criar um clima. E assim por diante.

Experimente posições em que se sinta confortável e vá testando e aumentando a exposição. Também não tenha medo de conversar francamente e expor ao par suas inseguranças: ele(a) poderá auxiliá-la neste processo.